Pesquisar este blog

Carregando...

quinta-feira, 29 de julho de 2010

REGRAS OFICIAIS DE KICKBOXING WKA\CBMA

WKAREGRAS DE ARBITRAGEM -CBMA




WKAWORLD KICKBOXING & KARATE ASSOCIATION





Tradução e organização Prof.Dr.Marley Mendonça-PhD





CBMA\CNA CONSELHO NACIONAL DE ARBITRAGEM CBMA.



2. AMADOR



2.1 O termo “amador” era utilizado para agrupar os lutadores das modalidades de Full contact, Kickboxing ,Thayboxing e Lutas de contato total. Esse termo será usado nesse livro para classificar todos os lutadores que não são profissionais.



2.2 Todos os lutadores serão considerados amadores se não atenderem a uma ou mais das seguintes exigências:



2.2.1 O lutador deverá obter um contrato profissional.



2.2.2 O lutador que nunca participou de um torneio de 5 assaltos de 3 minutos. (Thayboxing classe A)



2.2.3 O lutador que nunca participou de torneio de mais de 5 assaltos.



2.2.4 O lutador tem que estar inscrito em uma das seguintes organizações profissionais ou organizações semelhantes:



Organizações não mencionadas com caráter similar também serão consideradas. A lista acima é apenas um demonstrativo e não está necessariamente completa.



2.2.5 -Se um lutador não estiver inscrito em uma das listas do Ranking de profissionais então ele deverá comunicar a sua federação e solicitar a sua confirmação na categoria de amador. O lutador também será responsável pela sua declaração, profissionais não poderão participar de eventos amadores. Especialmente em Campeonatos Mundiais de Amadores (AWC). Se o IRC\CNA for informado sobre isso algumas medidas serão tomadas:



Desclassificação dos profissionais



Tempo de proibição a ser definido pelo IRC\CNA



Multa mínima de 5.000 REAIS



Revogação de um título ganhado, considerando que a revogação de um título mundial requer aprovação da mesa executiva da WKA. E nacional requer aprovação da diretoria executiva da CBMA.



3. DOPING



3.1 Não será permitido aplicar qualquer substância para impulsionar desempenho físico, caso a substância seja proibida por uma das organizações como sustância de doping (IOC, Agência Antidoping, Comitê



Olímpico etc.).



A WKA ,o IRC\CNA, o promotor de torneios e um médico oficial são autorizados a fazer os exames. Onde a lei local também dita isso, outras organizações e pessoas qualificadas e autorizadas também podem executar tal controle. Lutadores que intencionalmente evitarem ou fugirem dos exames ou até mesmo manipularem o controle de alguma forma, serão desclassificados e banidos por um período a ser determinado pelo o IRC\CNA. A privacidade, especialmente de lutadores como crianças e mulheres,

deverá ser respeitada. O exame de doping nesses lutadores deverá serrealizado por uma pessoa qualificada e do mesmo sexo. O local onde isso não for possível, um membro do IRC\CNA do mesmo sexo deverá

supervisionar a coleta do teste de amostra.



4. REGISTRO



Lutadores que quiserem ser admitidos para qualquer competição ou torneios precisam preencher os requisitos abaixo:

Possuir registro na WKA\CBMA ou passe esportivo;



Ter licença com selo de validade;



Provar a data de entrada no livro esportivo ou mostrar atestado médico comvalidade de 12 meses provando que esteja apto para competir;



Não ser excluído no exame médico ou por qualquer outra razão na participação do evento;



Mostrar atestado médico em caso de 3 nocautes na cabeça com menos de 12 meses, sendo que o EEG deverá ser realizado algum tempo depois;



Em caso de participantes femininas não poderá esta grávida.



INSCRIÇÃO NO LIVRO DE ESPORTE DA WKA\CBMA



Os organizadores de torneios e competições são responsáveis pelas as inscrições no livro da WKA\CBMA



Local e nome do evento



Modalidade e pontuação do competidor



Verificação de nocaute na cabeça



O árbitro chefe ou o supervisor da WKA\ CBMA também podem fazer asinscrições, no caso de nocaute na cabeça o médico também está autorizado.



Períodos proibidos após um nocaute1 (Hum) mês depois do primeiro nocaute na cabeça no período de 12



meses ,3 (Treis) meses depois do primeiro nocaute na cabeça no período de 12



mese, 12 (Doze) meses depois do terceiro nocaute na cabeça no período de 12



meses ( EEG – eletroencefalograma – será solicitado)



Depois de ser afastado por um período de 12 meses por causa dos três nocautes na cabeça,



o lutador também deverá apresentar um laudo médico do exame (EEG) antes de ser admitido novamente para participar de competições.



IDENTIFICAÇÃO DOS COMPETIDORES



Em competições ou torneios internacionais, os competidores deverão comprovar suas identidades e nacionalidades apresentando a carteira de identidade.(passaporte)



Competidores que apresentarem identidades emitidas pela WKA exibindo 5 dígitos (MAP) e que já tiveram seus passaportes ou identidades xerocopiados, não precisam fornecer maiores informações.



Exceções para exigências de nacionalidade Quem comprovar relações especiais com o país que está realizando o Campeonato, deverá enviar para



a WKA\CBMA um dos seguintes documentos:



Certidão de nascimento



Certidão de casamento







Uma licença de residência permanente



O formulário deverá ser enviado por escrito através da Federação e posteriormente enviado para a WKA. Essas alterações só poderão ser feitas caso a pessoa tenha uma nova nacionalidade ou residência permanente .



O Comitê Executivo da WKA decide tais alterações com antecedência de 1 (um)mês antes da competição que o lutador pretende participar.



CATEGORIAS POR FAIXA ETÁRIA



A data limite é sempre um dia depois do último dia da competição.



KIDS-(( Infantil): a criança poderá participar desde que não tenha 13 anos na data limite.



JUNIOR- (Junior) : o jovem poderá participar desde que tenha 13 anos ou mais, mas que não tenha 18 na data limite.MENOR DE IDADE NÃO PODEM PARTICIPAR DE LUTAS DE NOCAUTE



ADULT-( Adultos): o adulto poderá participar desde que tenha 18 anos omais, porém não poderá ter acima de:



35 anos para prática de Full contact, kickboxing e Thayboxing;



37 anos para prática de Light contact ;



40 anos para prática de Semi-contact;



VETERAN- (Veteranos) : o veterano poderá participar desde que tenha 35



anos ou mais na data limite.



CATEGORIAS DE PESO TABELA site http://www.wkabrasil.org.br/ categorias oficiais wka



Adulto Juniores Infantil



Homens Mulheres Meninos Meninas Meninos (as)



VISITE O SITE www.wkabrasil.og.br categorias de peso oficial

PESAGEM E EXAMES MÉDICOS



Tempo: a pesagem tem de ser feita pelo ou menos 2 horas antes da primeira luta.



TORNEIOS INTERNACIONAIS OU COMPETIÇÕES



Sempre que possível, a seleção de árbitros voluntários, preferencialmente de países diferentes, supervisiona a pesagem um dia antes das competições internacionais.



PARTICIPANTES DO SEXO FEMININO E MASCULINO



Sempre que houver participantes do sexo feminino e masculino, os exames médicos deverão ser realizados em salas separadas, ou se na mesma sala, deverão ser em horários diferentes. Alem disso, os exames deverão serem realizados por equipe médica do mesmo sexo dos participantes.



TOLERÂNCIA Geralmente não há tolerância nas pesagens. Os representantes oficiais da WKA\CBMA no controle da pesagem, permitem uma diferença máxima de 500g para crianças.



Há duas exceções permitidas para apenas 3 participantes de cada país e cada divisão de peso



a) Durante a seleção para os torneios e campeonatos mundiais, o peso de crianças e juniores podem mudar consideravelmente. Essa mudança será considerada de acordo com a categoria e faixa etária e desde o inicio das eliminatórias.



b) Por país poderá ter no máximo 5 participantes com essa diferença de peso para os adultos e veteranos (homens e mulheres).Essa exceção não se estenderá para mais de 5 competidores de cada país, independente da categoria ou faixa etária.



A diferença de peso dos competidores de cada país nas categorias de peso ou faixa etária deverá ter um controle, de forma que o número de participantes de um mesmo país seja reduzido a três participantes.



O técnico ou o representante do país pode requisitar substituição dos seus lutadores caso haja mais de 5 competidores com diferença de peso.







ADMINISTRAÇÃO DAS COMPETIÇÕES



ÁREA DE LUTA / RINGUE



ÁREA DE LUTA (POINT FIGHTING- PONTUAÇÃO-, FORMAS, E



LIGHT CONTATO- MEDIO CONTATO-)



a) A área de luta tem que ser quadrada e cada lado tem que ter um comprimento de 8 m.



b) Dos lados de frente para o outro, duas linhas paralelas devem ser marcadas para o início da luta.



c) Ao redor da área de luta uma linha de segurança de 2 m deve ser mantida. Nenhum espectador ou árbitro pode permanecer nesse lugar.



d) O tempo e o marcador de pontos estão localizados na mesa da arbitragem em frente ao árbitro chefe.



e) No caso de ter apenas uma área de luta, a equipe médica permanecerá na mesa da arbitragem.



f) A mesa de arbitragem deverá ser equipada com os seguintes itens:



Chaves de atletas;



- cronômetro de mesa



- sinal acústico (sino, apito)



- papeis/ lápis;



- computador e impressora.



RINGUE DE LUTAS DE CONTATO



a) Lutas de Full Contact devem ser realizadas no ringue. Os ringues de boxe devem seguir as normas da CBMA



b) O ringue de lutas de contato todas as proteções e cordas devem se vistoriadas de forma adequada para a primeira luta.



c) O comprimento normal da área de ringue é no mínimo de 4,5 m e no máximo de 6.10 m (comprimento dos lados das cordas) e consiste em 4 cordas.



d) Os 4 cantos devem ser de metal, a distância entre eles não devem exceder 10,6m.



e) A altura dos cantos não deve ser mais do que 1,32m acima da plataforma do ringue.



f) Todos os cantos devem ser cobertos com amortecedores comumente usados para evitar possíveis lesões.



g) Nenhuma das 4 cordas pode ter um diâmetro menor que 2,5 cm.



h) A corda mais baixa deve ter 33,02 m acima da plataforma e a maior não mais do que 1,32m.



i) todas as cordas devem ser revestidas com firmeza e com material apropriado.



j) A plataforma não poderá estar localizada acima de 1,21m do chão e 130 deverá ser coberta com material acolchoado.



k) Escadas devem ser colocadas no canto vermelho e azul.



l) Deverá ser providenciada cadeiras para os técnicos.



m) A mesa de arbitragem deverá ser equipada com os seguintes itens:



- nome dos participantes



-cartões de pontuação;



- 6 dickers ( Marcador de Chutes e Socos)



- cronômetro de mesa e de mão;



- sinal acústico (sino, apito);



- computador disponível e lápis;



n) Próximo ao ringue deverá ser providenciado cadeiras e mesas para os juízes.



o) No caso de ter apenas uma área de luta, a equipe médica permanecerá na mesa da arbitragem.



p) Para evitar possíveis lesões não é permitido que o câmera-man permaneça na plataforma durante os assaltos.



ÁRBITROS



CATEGORIA DE ÁRBITROS



CATEGORIA DE ÁRBITROS INTERNACIONAL



a) “IRC” – Membros do comitê de regra Internacional categoria “A”.



b) “X” – membros da WKA mesa executiva – categoria “A”.



c) “A” – Nomeado para ser arbitro chefe em campeonato mundial ou agir como supervisor em lutas de título internacional.



d) “B” – Nomeado para ser árbitro nos finais de campeonatos mundiais ouatuar como juiz em lutas de títulos mundiais.



e) “C” – Nomeada para ser árbitro em lutas eliminatórias em campeonatos mundiais ou atuar como juiz em lutas de títulos nacionais.



Membros do comitê executivo da WKA e do comitê de Regras Internacional (IRC) são identificados por carteira de identidade vermelha com o símbolo OFFICIAL.



Árbitros das categorias A, B e C são identificados por carteira de identidade amarela com o símbolo REFEREE.



Para ser nomeado como árbitro de categoria A, a maioria dos membros da IRC deve ser a favor.



Para ser nomeado como árbitro de categoria B, o presidente do IRC deve ser a favor.



Para ser nomeado árbitro de CATEGORIA C, árbitro chefe do país ou representante do país pode fazer a nomeação.



O IRC pode realizar seminários e/ou testes em Língua Inglesa como pré –requisito para nomeação de árbitros de categorias A e B.



As nomeações são confirmadas periodicamente pelo ou menos a cada 2 anos.



Árbitros licenciados serão registrados em uma central de dados. Os seus nomes, categorias, nacionalidade e número MAP serão publicados no site oficial do IRC.website (www.wka-irc.com)



NACIONALIDADE



Os dois itens seguintes são utilizados para a formação de um time de árbitros em campeonatos mundiais.



a) Um árbitro de nacionalidade do oponente vermelho, um árbitro de nacionalidade do oponente azul, e um ou mais árbitros de nacionalidade de oponentes azuis e vermelhos.



b)Todos os árbitros de nacionalidades diferentes dos oponentes azuis e vermelhos.



Baseando-se nos princípios de nacionalidade, se um árbitro possuir vária nacionalidades ou se o mesmo tiver escolhido apenas uma, ele não poderá arbitrar caso um dos oponentes pertença ao seu país ou nacionalidade.



CONFLITO DE INTERESSE



Quem pretende ser um árbitro em qualquer evento não poderá atuar como juiz ou representante do país ao mesmo tempo.



Os árbitros têm a obrigação de relatar qualquer possibilidade de conflito de interesse no caso de omissão, os membros do IRC depois de consultar o árbitro chefe tomará as seguintes medidas:



a) Advertência



b) Exclusão do árbitro do evento



c) Redução na compensação do árbitro (indenização)



d)Perda da licença de árbitro por tempo a ser determinado pelo IRC



ÁRBITRO CHEFE



Em cada competição é designado um árbitro chefe. Ele/ela é responsável por toda a organização e supervisão na área de luta e/ou ringues.



Em competição com mais áreas de luta e ringues, o árbitro chefe designará um assistente de ringues que supervisionará todos procedimentos na área de luta.



O árbitro chefe pode substituir árbitros que não sejam neutros ou que violar as regras oficiais da IRC\CNAParg



Único- As Regras Devem Ser Adequadas A Eventos No Territorio Brasileiro.





ASSISTENTE/ SUPERVISOR DE RINGUE



O assistente de ringue pode substituir árbitros em áreas de lutas ou ringues de acordo com sua nacionalidade ou afiliação com a Federação, clube ou com o lutador. Ele relata os resultados de acordo com as instruções do árbitro chefe. Em eventos que tiver apenas uma área ou ringue de luta, eleagirá apenas como assistente.



RECURSOS



Julgamentos individuais de árbitros/juízes não são objetos de recurso.



A decisão de um médico oficial não é objeto de recurso.



Os recursos são possíveis em apenas alguns dos seguintes casos e após



pagamento à vista de honorários no valor de 5000 REAIS



a) Comprovado o acordo entre juizes/ árbitros.



b) Erro na contagem de pontos ;



c) Uma troca óbvia entre os cantos azuis e vermelhos;



Filmagens em vídeo não poderão ser utilizadas para justificar o recurso.



O recurso não mudará o andamento da competição. O árbitro chefe poderá interromper a continuidade das lutas por um período curto ou longo, caso o resultado do recurso tenha influência significativa nos procedimentos.



Após analisar o recurso de ambas as partes e também do árbitro envolvido, o árbitro chefe então tomará a decisão final.



Os honorários do recurso será depositado na conta do CBMA para treinamento de futuros árbitros.



Caso o recurso seja feito após a competição, o CNA então toma a decisão depois de analisar o recurso de ambas as partes e do árbitro envolvido. A federação tem o prazo limite de 30 dias para entrar com o recurso.



Se a decisão do ocasionar a perda de um título BRASILEIRO, apenas ocomitê executivo da CBMA poderá dar a decisão final.



VESTUÁRIO



Durante as pré-eliminatórias e as semifinais, os árbitros deverão usarcamisas com o símbolo OFFICIAL ou REFEREE , ARBITRO



FINAIS DE CAMPEONATO



Para (os eventos finais) todos os árbitros devem usar calças cinzas, camisa



branca com o símbolo da WKA e gravata borboleta ou longa de cor cinza Se necessário



um blazer azul escuro com a logomarca da WKA poderá ser usado.



Para minimizar as lesões é proibido o uso de qualquer jóia, relógios ou canetas, etc. com exceção de juízes onde nenhum contato físico é possível.



O uso de luvas medicas é recomendado.





Registros de árbitros por estado e para campeonatos mundiais. Para cada 25



competidores de um país ou estado, um árbitro deverá estar presente.



• 1-25 competidores – 1 árbitro



• 26-50 competidores – 2 árbitros



• 51-75 competidores – 3 árbitros



• 76-100 competidores – 4 árbitros



• 101-125 competidores – 5 árbitros



• 126 ou mais competidores – 6 árbitros



Cada país ou estado que não preencher os requisitos acima será multado



com 500 reais por cada árbitro ausente. O dinheiro irá para a conta da CBMA.



Cada país e ou estado é responsável pelo treinamento e licença de seus próprios árbitros em tempo hábil para os campeonatos mundiais e ou nacionais.



O treinamento para a categoria “C” de árbitros depende de cada país, no entanto o IRC oferece seminários.



O treinamento dos árbitros ‘ A,B,C,D NACIONAIS’, depende de cada estado no entanto a CNA oferece seminários de classificação.



Todos os países que se registraram previamente para campeonatos e tiveram confirmação do IRC receberão prioridade. O pagamento de árbitros será de acordo com o regulamentação posteriores.



O organizador do evento é responsável pelos árbitros comissão diretorara da CBMA e terá que providenciar quartos individuais, comida e bebida., transporte Ele também é responsável para providenciar água mineral para a mesa de arbitragem.



PARTE 2



KICKBOXING – WKA -



POINT FIGHTING –LUTA POR PONTOS



1) Vestuário e equipamento



2) Competições, divisão de peso e tempo de luta



3) O poder do árbitro



4) Inicio, interrupção e final de lutas



5) Regras de competição



6) Pontos e placar



7) Advertência e pontos de penalidades



8) Regras de segurança na competição



9) Recurso



1 – VESTUÁRIO E LUTADORES



O lutador deverá estar vestido de forma apropriada. É OBRIGATORIO A MARCA WKA\CBMA NO LOCAL PADRONIZADO.



Os competidores de acordo com suas divisões podem vestir camisa branca com a marca oficial aprovada pela CBMA e calça preta ou Kimonos de



karate não podem impedir os movimentos e TaeKwondo.



EX – Kimono de Longos



Os competidores devem estar usando camisas limpas com calças de kickboxing. Os braços devem estar cobertos até a metade, ou seja, as mangas das camisas têm que estar na altura dos cotovelos.



As calças devem estar até os tornozelos. Não poderá ter zíper, bolsos ou botões. Os competidores não poderão usar nenhum objeto de metal que cause ferimento no oponente (piercing, correntes, relógios e brincos não são permitidos). Óculos são proibidos, mas lentes de contato são permitidas por risco próprio. Cada lutador deverá usar faixa que indique seu nível nalinha da cintura.



Os atletas podem usar símbolos dos seus respectivos clubes, associações o ou patrocinadores. Nomes e slogans são permitidos desde que não ofendam o público.



Para evitar acidentes, não é permitido usar bandanas e lenços. Cabelos longos deverão ser amarrados com elástico e grampos de cabelos não são permitidos.



-Todos os competidores devem usar:



- Protetor de cabeça



- Protetor bucal



- Luvas



- Protetor de tórax



- Protetor de virilha (para homem e mulheres) deverá ser usado por baixoda roupa



- Protetor para tíbia (deverá ser usado por baixo da roupa)



- Protetor para os seios ( para todas as participantes)



- Protetor de pé Permitido



É permitidos o uso de faixas com o comprimento máximo de 2,5 mt. (nãoserá permitidos faixas com o uso de nós).



É permitido o uso de protetores para cotovelos, joelhos, tíbias e virilha. No caso de participantes do sexo feminino é permitido o uso de protetor para os seios.



O técnico deverá usar roupa apropriada e tênis esporte (limpos). Deverá agir de forma disciplinar. Se o técnico não seguir as instruções dos árbitrosseus atletas poderão ser penalizados com uma advertência e se necessário até mesmo desclassificados.



2 – COMPETIÇÕES, DIVISÃO DE PESO E TEMPO DE LUTA



LUTAS INDIVIDUAIS



• A data limite para idade



• A data limite é sempre um dia após o último dia de competição



1. Infantil : crianças que tenham até 12 anos na data limite



2. Crianças de 8 – 12 terão tolerância de 500g em relação ao peso



3. Juniores: jovens que tenham 13 anos até, mas menos que 18 anos até a data limite.



4. Adulto: pessoas com 18 anos ou mais na data limite:



• 35 anos para Full contat, Kickboxing , Thayboxing, lutas de contato;



• 37 anos para Light contact;



• 40 anos para Semi contact;



5.Veteranos: Pessoas com 35 anos ou mais na data limite



• Homens veteranos: 36-39 anos, 2 categorias de peso - 76 kg /+76 kg.



• Acima de 40 anos, apenas 2 categorias de peso -76/ +76 Kg.



• Mulheres veteranas



36 anos, 2 categorias de peso apenas -63 kg/+ 63kg.





TABELA



visite o site http://www.wkabrasil.org.br/ categorias de peso

TEMPO DE COMPETIÇÃO



Eliminação de assalto: 1 assalto 2 minutos;



Final: 2 assaltos 2 minutos.



Regra em caso de empate: não haverá intervalo, 1 minuto extra será dado.



Se não houver decisão então prevalecerá a morte súbita.



COMPETIÇÃO EM TIME



Um time é composto por 5 e\ ou 3 competidores (meninos, juniores e homens) ou três competidoras (meninas, junioras e mulheres). É permitido um lutador reserva, se um membro do time se machucar durante a



competição.



Um dos lutadores será escolhido pelo capitão do time.



Peso – categoria Infantil apenas



Meninos: -30 kg/-40kg/- 50kg/-55kg/+55 kg



Meninas : -30 kg/-40 kg/ - 50 kg.



Não há divisão de peso em competições de times para juniores e adultos.



Os capitães dos times escolhem seus lutadores alternadamente.







PLACAR



É baseado em vitórias. Todos as advertências e penalidades de pontos são apenas para lutas individuais e não valem para a competição seguinte. No caso de empate todos os pontos serão somados, o vencedor será o time com mais pontos. No caso de empate nos pontos, um tempo extra na regra será aplicado para os 2 últimos lutadores.



TEMPO DE COMPETIÇÃO



Todas as lutas têm 1 assalto de 2 minutos



Em um evento, qualquer país que tenha mais de 3 lutadores em qualquer categoria, esses lutadores deverão lutar entre si, para que apenas 3 lutadores fique na mesma divisão.



O PODER DO ÁRBITRO



1) O árbitro é o único que pode parar a (luta) combate.



2) Se quiser, o árbitro poderá ter todos oficiais substituídos na sua área.



3) O árbitro pode deduzir o ponto caso um competidor saia 3X da área de combate.



4) O árbitro pode desclassificar um competidor caso ele saia da área de combate pela 4ª vez.



5) Ó árbitro pode deduzir o ponto de um competidor por discordadepois de ter sido advertido.



6) O árbitro pode deduzir o ponto de um competidor por discordar doseu técnico depois de já ter sido advertido.



7) O árbitro pode deduzir o ponto de um competidor por indisciplina.



8) O árbitro pode desclassificar um lutador se ele não comparecer após ter sido chamado para a luta. (normalmente 1 minuto é concedido).



9) O árbitro pode desclassificar um lutador se ele não comparecer com roupa apropriada e equipamento de segurança. (normalmente 1 minuto é concedido).







O QUE O ÁRBITRO NÃO PODE FAZER



1) O árbitro não pode desclassificar nenhum competidor que não se enquadre nas normas acima.



2) O árbitro em nenhum momento pode impor, mudar ou alterar as regras.



3) O árbitro não pode anular nenhum placar. (a não ser que haja violação nas regras).



INÍCIO INTERRUPÇÃO E FINAL DE LUTAS



A competição é conduzida por um árbitro principal e dois juizes (um decada lado). Os juizes têm que se movimentar durante a luta.



Verificação de equipamento



Primeiro os juízes devem verificar o equipamento se segurança. Cada juiz éresponsável por um lutador. Ele verifica o lutador dos pés a cabeça, no caso de mulheres ele verifica o protetor de peito e protetor de virilha

perguntando a lutadora. No caso de lesão o/a lutador/a que não estiver usando o protetor serdesclassificado(a) imediatamente.



O juiz também é responsável para que o lutador não tenha nenhuma jóia ou metal e que as unhas dos dedos estejam curtas. Óculos não são permitidos durante a luta. Não há exceção para essa regra. Isso inclui também óculos para esportes não quebráveis. Também não poderá ter proteção para o rosto no s protetores de cabeça. Lentes de contato são possíveis, mas é por contae risco próprio.



Os protetores de virilha, tíbia e peito deverão ser usados por baixo da roupa.



INÍCIO DE COMBATE



O árbitro inicia o combate permanecendo entre os dois lutadores. Ele deve verificar se os juízes de cada lado estão prontos para começar, também deve verificar se o cronômetro e o placar estão prontos e por fim se o médico do jogo está na mesa de arbitragem.



Depois dos comandos “shake hands”(cumprimentem-se) ou “touch gloves” (toque as Luvas) para os lutadores, ele inicia a luta com o comando fight”(lutem)







INTERRUPÇÃO



Se o árbitro chefe marcar um ponto para um dos competidores, ele deve levantar a mão imediatamente dizendo “stop” ( parar) a luta. Os competidores deverão retornar para a posição inicial. O tempo de jogo continua.



O arbitro deverá retornar ao seu lugar rapidamente e mostrar com sua mão para qual dos competidores ele marcou o ponto. Ele deverá olhar para os juizes e em caso de uma decisão majoritária ele anuncia pontos e placar. O árbitro inicia novamente a luta com o comando “fight” verificando também se o placar está mostrando os pontos e as advertências de forma correta.



Importante : Se os juizes, que ficam ao lado de cada competidor, não levantarem a mão imediatamente no momento em que o competidor fa ponto(s) e o árbitro principal já tiver parado a luta , o ponto não será marcado. Levantar a mão ou mostrar que houve ponto depois do comando “stop” é tarde demais e ilegal.



Além do árbitro, apenas o médico pode interromper a luta. O técnico pode jogar uma toalha para seu lutador se o mesmo quiser desistir da luta ou ajustar o equipamento de proteção. O árbitro deve paralisar a luta se o lutador estiver fora da área de luta ou para dar advertências;pontos por penalidades e adicional de 10 segundos ou quando o equipamento não estiver ajustado ao corpo do lutador.



Fim da Luta



O tempo da luta termina quando o juiz apita ou toca o sino. A luta termina quando o árbitro principal diz o comando “stop” e se houver pontos até o final os mesmos serão válidos. Ao final da luta o árbitro levanta a mão do vencedor virando-se para a mesa de arbitragem anunciando o final da luta.





REGRAS DE COMPETIÇÃO



KICKBOXING WKA TÉCNICAS DE “SEMI-CONTACT”



TÉCNICAS PERMITIDAS:



- Chutes e socos (em áreas legais) utilizando combinações de movimentos.



Todas as técnicas tem de ser utilizadas com potência razoável, qualquer técnica que apenas toque o adversário não será pontuada.



TÉCNICAS NÃO PERMITIDAS



-chutes e socos considerados ilegais, ataques com palma de mão, faca da mão,chute abaixo da cintura, cabeçada, ataques com os dedos, costa de mãos.



B – ÀREA DE PONTOS



• Cabeça (face, lado, nuca e testa)



• Tronco (frente e lado)



• Pernas (abaixo da “barriga” da perna) banda e finalização com outra técnica em 3 segundos;



• O árbitro observará cada movimento e concederá até 3 segundos antes



do comando “stop”.



C – AÇÕES PROIBIDAS



• Derrubar e chutar joelhos e coxas (golpe baixo)



• Chutar e dar socos na virilha.



• Dar socos nas costas, ou no topo da cabeça.



• Arranhar, morder, cuspir ou atacar verbalmente o árbitro ou o oponente.



• Chutar ou dar socos depois do término da luta, ações descontroladas.



• Se omitir durante a luta, abandonar a área de luta ou cair para perder tempo.



• Não é comum parar o tempo para marcar pontos, mas o árbitro não parará o tempo para advertir ou descontar pontos.



No Semi contact apenas um técnico é permitido ele/ela deverá permanecersentado.Se o técnico observar: que houve violação nas regras ele/ela poderá fazer o sinal de tempo para o árbitro do centro. Em nenhum momento o técnico deverá entrar na área de luta. Caso aconteça o árbitro pode marcar penalidade.







Em cada área de luta o árbitro chefe é o assistente de ringue. Ele deverá se da categoria “A” de árbitro da CBMA e responsável para que as regras da WKA sejam corretamente aplicadas. Ele também é responsável para que os árbitros sejam neutros.



PONTOS E PLACAR



PONTOS : A definição correta de pontos é quando uma técnica legal atinge a área alvo com sensatez, a marcação de ponto deverá ser feita quando toda a técnica estiver completa a não ser que o lutador seja jogado ou empurrado para o chão.



Todas as técnicas são pontuadas de acordo com o grau de dificuldade.



• Socos 1 ponto



• Pontapés 1 ponto



• Chute no tronco 1 ponto



• Chute na cabeça 2 pontos



• Chute rápido (tronco) 2 pontos



• Chute rápido (cabeça) 3 pontos



A diferença entre 10 pontos em lutas eliminatórias termina a luta por



EX: 10 -0, 12-2.



PLACAR: O placar é feito por um árbitro principal seguindo as regras.Se



o árbitro ou os juizes observarem um ponto eles devem marcar



imediatamente. A cada técnica reconhecida, a luta deve ser paralisada e o



ponto anunciado.



O árbitro principal não poderá de forma alguma dar sua opinião ou marcar um ponto sem levantar sua mão antes de terminar a luta.



Por exemplo: se um juiz marcar o ponto e o segundo juiz demonstrar que não presenciou nada e o árbitro chefe não tiver levantado a mão antes de paralisar a luta, não haverá marcação de pontos.



Se dois juizes marcarem pontos para ambos os lutadores, mas o terceiro juiz marcar o ponto para apenas um dos lutadores não haverá marcação de pontos a menos que o juiz dê ponto para os dois



Importante: Levantar a mão ou marcar ponto depois do comando “stop” é muito tarde e ilegal.



“Exit rule”(fora da área): significa que o pé está totalmente fora da área.Caso o árbitro tenha dúvida em relação à marcação de pontos ele deveparar o cronômetro e perguntar aos juízes logo após o comando



“score”(pontuação). Essa situação não pode ocorrer com freqüência.







SINAIS UTILIZADOS POR ÁRBITROS E JUÍZES



OPINIÃO SINAL



1. Sim, Eu vi o Ponto; - Levanta a mão e mostra o Placar;



2. Não, Eu não vi Nada; - Mãos Cruzadas em Frente ao Rosto;



3. Sim, eu vi Movimentos, mas não foi Ponto.



- Mãos Cruzadas em Frente as pernas



4. Competidor pisou fora da Área - Mostra a linha de área e movimenta o Braço;



5. Ambos os Lutadores Marcaram Ponto;



- Levanta as duas mãos e mostra os pontos;



6. Técnicas ilegais; - Levanta o Braço e Faz um Gesto de Círculo com a Mão.



Ao advertir ou marcar penalidade o árbitro deverá avisar ao lutador a causa



da penalidade. Ele tem de fazer isso de uma forma clara e autoritária.



SINAIS UTILIZADOS PARA MARCAR ADVERTÊNCIAS E



PENALIDADES



TABELA ***



1.Contato Forte - Mostra o Punho;



2. Técnica Legal em área proibida; - Mostra a área proibida;



3. Ponto Cego; - Vira o corpo e mostra o punho



4. Abraçar ou Agarrar; - Segura o braço e empurra



5. Virar o corpo ou fugir; - Segura o braço e empurra



6. Falar durante a luta. - Dedos e polegares abertos e fechados



• Em eventos que o combate confunde o oponente, o árbitro tem que parar o cronômetro e perguntar aos juízes “o que vocês viram?” foi falta ou não?. Se a maioria decidir que foi falta, então será marcada penalidade.



Se eles decidirem que foi um “acidente” então não será marcada penalidade.



• Se um dos lutadores se machucar, apenas o médico ou o próprio lutador



pode parar a luta. Ou se o técnico decidir retirá-lo da luta.



• Nenhum árbitro pode decidir a gravidade do ferimento. Eles têm que chamar o médico.



• Se um dos lutadores se machucar e a luta acabar por causa de uma falta, o lutador inocente será declarado o vencedor. Em caso de acidente o lutador que obtiver maior números de pontos será declarado vencedor.



• No caso de empate o lutador que não estiver (machucado/ferido) vencerá.



• Se um atleta não tiver condições para continuar a luta o árbitro declarará SEM CONDIÇOES DE LUTA –RSC1.



ADVERTÊNCIA E PONTOS POR PENALIDADES



Qualquer violação nas regras independente da gravidade resultará em advertência ou penalidade ou até desclassificação. Advertências serão levadas até o final da luta, apenas em lutas por equipe as advertências não serão levadas até o final da luta.



Advertências por “saídas de área ” serão separadas das advertências por outras ofensas.



Cabe ao árbitro retirar pontos ao invés da advertência quando de fato a violação for muito grave.



Se o lutador pisar voluntariamente fora da área ou se recusar a lutar, o árbitro tem a opção de acrescentar 10 segundos no tempo de luta.



Normalmente não se pára para marcar pontos.



As advertências e penalidades são dadas por uso de técnicas ilegais ou ações proibidas do técnico.



PROCEDIMENTO UTILIZADO



• Primeira advertência



• Segunda advertência



• Terceira advertência = -1ponto



• Segundo ponto retirado = desclassificação e término da luta



PROCEDIMENTO POR SAÍDA VOLUNTÁRIA



• Primeira advertência



• Segunda advertência



• Terceira advertência = -1ponto



• Segundo ponto retirado = desclassificação e término da luta



7 – REGRAS DE SEGURANÇA NAS COMPETIÇÕES



1. O atendimento médico é recomendado e os primeiros socorros são



obrigatórios.



Para assegurar a saúde e a segurança dos participantes de Kickboxing e Karate, o médico ou equipe de primeiros socorros tem as seguintes responsabilidades.



2. No Semicontact a CBMA recomenda uma ambulância para atendimento médico. Competidores só podem participar se estiverem completamente saudáveis. Qualquer suspeita de doença o participante deverá ser examinado por um médico que dirá se o competidor pode ou não participar.



3. O árbitro chefe não permitirá que nenhum competidor participe com faixa na cabeça ou perna, gesso nos braços ou pernas. Óculos são proibidos. O uso de lentes de contato é permitido, mas por conta e risco



do competidor.



4. Anestesias locais poderão ser utilizadas antes ou durante a prova.



5. Durante a competição o médico deverá permanecer perto da área deluta. Caso o médico se ausente a luta será interrompida até que ele retorne.



6. Nenhum médico ou equipe médica de primeiros socorros poderá sair dos locais de lutas sem que a última competição termine e ainda assim deverá ser verificado se há necessidade de algum atendimento médico.



7. Decisões de médicos ou equipe de primeiros socorros são definitivas e não podem ser contestadas.



8. RECURSOS E ALTERAÇÕES EM CAMPEONATOS



O placar de juizes e árbitro é decisivo. Recurso contra decisões de árbitros ou juizes só será aceito se comprovada irregularidade na aplicação de regras. O placar dado por um juiz ao final dacompetição, só será contestado ou alterado se o árbitro chefe, a CBMA, e CNA



• observarem :



• Conspiração ou acordo ilegal para afetar o resultado final.



• O acréscimo de cartões de faltas aplicadas erroneamente para beneficiar o lutador errado, levando-o a vitória.



• Violação nas regras e regulamentos da WKA, afetando diretamente o andamento da competição.



Os recursos deverão ser direcionados ao árbitro chefe e deverão conter informações que evidenciam que uma decisão errada foi tomada.



Juntamente com o recurso deverá ter 5000 reais pelos honorários do processo que serão devolvidos se comprovado o erro.



Caso não seja comprovado, o dinheiro será transferido para a conta do CBMA, para treinamento e promoção de futuros árbitros etc.



O árbitro chefe decidirá em relação ao recurso depois de analisar ambas as partes.(vídeos não serão aceitos). A decisão do árbitro chefe será decisiva.

O protesto contra uma decisão médica não será possível.